archive-br.com » BR » A » ABRAFRIGO.COM.BR

Total: 460

Choose link from "Titles, links and description words view":

Or switch to "Titles and links view".
  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 44 DE 11 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    Rio Branco no Acre A expedição já percorreu os estados do Rio Grande do Sul Paraná Mato Grosso do Sul São Paulo Minas Gerais Goiás Pará e Mato Grosso como objetivo realizar uma avaliação completa in loco das áreas de cria recria engorda e confinamento Ao todo seis equipes técnicas avaliarão a quantidade de animais confinada em 2014 a intenção de confinamento para este ano índices zootécnicos a oferta de animais de reposição gado para abate e as condições das pastagens fazendo amostras e avaliações aleatórias de mais de 500 pastos diferentes AGROLINK Rússia intercepta carga de carne da BRF Serviço veterinário daquele país suspeita que produtos tenham sido contrabandeados Foram interceptadas 114 toneladas Investigação realizada pelo serviço veterinário da Rússia Rosselkhoznadzor revelou uma tentativa de contrabando de produtos de origem animal brasileiros para aquele país Foram interceptadas 114 toneladas produzidas no Brasil pela unidade de Uberlândia Minas Gerais da BRF no mês de abril Conforme informa o serviço veterinário russo em nota a inspeção feita pelo país revelou que data de produção indicada nos documentos veterinários que acompanhavam a carga não coincidiam com as datas indicadas no rótulo A suspeita do serviço veterinário russo é que estes produtos tenham sido adulterados e contrabandeados A carga foi embarcada pela Too Oral Logistic do Cazaquistão Em teleconferência com o serviço sanitário russo representantes brasileiros informaram que realizarão investigações e que há indicativo de emissão ilegal de certificados para os produtos de origem animal especificados disse o serviço veterinário russo em nota Tanto a BRF quanto o ministério da Agricultura foram procurados para comentar o ocorrido e não responderam até o momento da publicação Portal DBO Senasa Argentina não deixará de vacinar Diante do plano sul americano de suspender a vacinação contra a febre aftosa até 2020 e da ideia do Brasil de se antecipar o Valor Carne entrevistou o Vice Presidente do Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar Senasa da Argentina Luis Carné Há uma decisão pública e privada de continuar vacinando no país até que toda a região esteja livre de riscos A América do Sul tem uma posição sanitária muito boa em matéria de aftosa tendo avançado muito Porém a Argentina não deixará de vacinar até que se tenha a certeza de que não há riscos na região e somente o faria com o consenso de todos os países Além disso Paraguai Bolívia e Uruguai têm a mesma postura Há um plano hemisférico de erradicação da aftosa sobre o qual se montaram as lutas em cada país Foram sendo cumpridas etapas e há bastante tempo está escrito quais são os passos a seguir para que toda a região seja livre a doença primeiro com vacinação e depois liberando zonas dessa prática disse o Diretor de Epidemiologia e Análise de Riscos do Senasa Bernardo Cosentino que trabalha na luta contra a doença há 15 anos Hoje 85 do território é livre de aftosa Chile e Peru sem vacinação Argentina e Brasil com regiões livres com e sem vacinação Uruguai

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-44-de-11-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 43 DE 10 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    contribuem para que isto esteja acontecendo além da alta e da falta do boi gordo os produtores do Estado estão migrando para outras culturas como eucalipto e cana de açúcar e o abate de matrizes que aconteceu em anos anteriores disse o presidente da Assocarne Associação de Matadouros Frigoríficos e Distribuidores de Carnes de Mato Grosso do Sul João Alberto Dias A situação está complicada no país todo Frigoríficos estão suspendendo atividades por causa da alta do preço do boi e também pela falta Em nota a Assocarne comenta que mais dois frigoríficos anunciaram nesta semana a suspensão de atividades o JBS que suspendeu temporariamente as atividades em Ariquemes RO e o Marfrig que fechou uma das unidades de produção em Promissão SP demitindo 500 funcionários pressionados por alta do preço e pouca oferta de boi para abate enquanto o repasse de custos para o consumidor é limitado pela redução do consumo em momento de alta geral dos preços no país Campo Grande News Valorização do boi gordo em São Paulo Apesar de tímida a alta de R 0 50 no estado demonstra a necessidade de os frigoríficos pagarem mais para comprar bons lotes O preço de referência ficou em R 147 50 à vista na última terça feira 9 6 mas houve negócios acima deste patamar As escalas de abate atendem entre quatro e cinco dias na maioria dos casos Não estão apertadas mas os preços firmes demonstram que a oferta não está confortável Os pecuaristas seguram as vendas tentando preços maiores De toda forma o volume represado não deve ser grande No mercado atacadista as vendas estão fracas considerando que estamos no início de mês Scot Consultoria Preços agropecuários recuam 1 15 em maio diz a FGV Os preços dos produtos agropecuários no atacado caíram 1 15 em maio após alta de 0 03 em abril segundo a Fundação Getúlio Vargas FGV que anunciou nesta terça feira 9 o Índice Geral de Preços Disponibilidade Interna IGP DI referente ao mês passado A instituição informou ainda que os preços dos produtos industriais no atacado registraram alta de 0 71 ante avanço de 1 54 na mesma base de comparação Dentro do Índice de Preços por Atacado segundo Estágios de Processamento IPA EP que permite visualizar a transmissão de preços ao longo da cadeia produtiva os preços dos bens finais subiram 0 47 em maio após aumento de 1 07 no mês anterior Os preços dos bens intermediários subiram 0 51 no mês passado em comparação a alta de 1 62 em abril Já os preços das matérias primas brutas registraram redução de 0 58 ante avanço de 0 54 na mesma base de comparação O IGP DI avançou 0 40 em maio após subir 0 92 em abril Estadão Conteúdo Agronegócio tem participação recorde de 51 5 nas exportações brasileiras em maio Complexo soja foi um dos que mais contribuíram para o desempenho da balança comercial no mês passado Em maio de 2015 a participação do agronegócio foi recorde

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-43-de-10-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 42 DE 9 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    em junho de 2014 a relação estava em 1 99 bezerro Scot Consultoria Intenção de confinamento cresce 24 em MT Lucro médio estimado para a atividade é seis vezes menor que o obtido pelos produtores em 2014 O número de animais confinados em Mato Grosso deve atingir 789 66 mil cabeças A intenção de confinamento dos produtores de Mato Grosso é 24 superior ao ano passado e foi divulgada pelo Instituto Mato grossense de Economia Agropecuária Imea em seu boletim semanal Os produtores que fecharão os animais já possuem 80 dos insumos adquiridos Apesar de a reposição ter passado a representar 74 6 do custo operacional efetivo frente aos 68 de 2014 o alto patamar dos preços da arroba no Estado mantém o produtor otimista Na última semana a valorização foi de 0 11 no boi gordo e de 0 03 na vaca gorda fechando em R 134 90 e R 127 47 respectivamente De acordo com os dados obtidos no primeiro levantamento das intenções de confinamento em Mato Grosso a perspectiva é de que a lucratividade média não seja tão alta quanto as expectativas Isso considerando os preços previstos no mercado futuro de acordo com o diferencial de base médio SP MT de 13 1 e o aumento dos custos de produção principalmente por causa dos elevados preços de reposição O preço do bezerro de ano fechou a primeira semana de junho com valorização de 2 34 sendo cotado a R 1 342 05 cabeça Diante dessas estimativas a margem de lucro no segundo semestre deve atingir máxima de R 80 00 cab e média de R 44 66 cab A previsão desse cenário se mostra bem diferente dos resultados obtidos em 2014 quando o lucro médio foi de R 296 87 cab Ou seja é importante que o confinador se mantenha atento ao mercado pois qualquer flutuação no preço da arroba pode impactar significativamente nos resultados da atividade Imea Redução das exportações brasileiras de couros em maio Segundo o Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior MDIC as exportações de couros em maio somaram US 205 0 milhões o que representa uma redução de 0 4 frente ao mês anterior e de 20 8 na comparação com maio do último ano Em volume foram 34 5 mil toneladas redução de 1 5 na comparação com o mês anterior Em relação ao mesmo mês de 2014 houve queda de 18 5 Naquele mês foram embarcadas 42 3 mil toneladas O preço médio das peles exportadas foi de US 5 94 kg alta mensal de 1 1 mas redução de 2 8 frente a maio de 2014 Scot Consultoria Pecuaristas do Pará ampliam investimentos Instalados em uma região onde o desmatamento do bioma amazônico era corriqueiro até poucos anos atrás os produtores de gado bovino do Pará ou pelo menos parte deles parecem ter sido convencidos de que investimentos em pastagens entre outras práticas positivas antes deixadas de lado é um caminho sem volta para sustentar a produção Tendência nacional

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-42-de-9-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 41 DE 8 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    de condenação por danos morais coletivos para compensação dos prejuízos causados à comunidade mirassolense A ideia complementa Daroncho é utilizar os recursos que porventura sejam pagos pela companhia para estimular atividades ou projetos que gerem perspectivas de ocupação e renda na cidade CARNETEC Boi Negócios seguem lentos O ritmo de negócios segue lento neste início de junho no mercado de boi gordo com os preços praticamente estáveis Embora operadores consultados pelo Cepea relatem demanda um pouco maior pecuaristas têm preferido postergar os negócios a vender nos preços propostos pela indústria No acumulado parcial deste mês o Indicador ESALQ BM FBovespa subiu ligeiro 0 14 fechando a R 146 69 na quarta feira 3 CEPEA ESALQ Frigoríficos MPE e MPT terão agenda de debates em paralelo com fiscalizações no RS Representantes do Ministério do Trabalho e Emprego MTE e do Ministério Público do Trabalho MPT do Rio Grande do Sul estabeleceram uma agenda de debates com o setor frigorífico do estado em paralelo com as ações de fiscalização que já levaram a interdições em diversos estabelecimentos Em reunião realizada no último dia 3 na sede do MTE em Porto Alegre os representantes falaram sobre as irregularidades encontradas em frigoríficos nas 12 ações fiscais já realizadas pela força tarefa em unidades de bovinos e suínos no estado Também foram tratados temas como adequações rápidas e de custo reduzido entre outros relacionados à segurança do trabalho no setor informou o MPT em nota no seu website CARNETEC Mapa e Embaixada do Japão discutem parcerias comerciais Kátia Abreu deverá visitar o país asiático em julho Ministra adiantou interesse do Brasil em estabelecer acordo sanitário com japoneses A Ministra Kátia Abreu Agricultura Pecuária e Abastecimento visitou na terça feira 2 o Embaixador do Japão Kunio Umeda para tratar da ampliação de parcerias comercias entre os mercados brasileiro e japonês O Brasil pretende voltar a exportar carne bovina in natura para o Japão Os japoneses por sua vez buscam acordo para vender Kobe Beef ao Brasil A Ministra manifestou ao embaixador interesse em firmar um acordo sanitário com o Japão a fim de harmonizar regras e facilitar processos Queremos a confiança do mundo nos produtos brasileiros e os acordos sanitários são um passo importante nesse sentido afirmou Kátia Abreu e Kunio Umeda também trataram da liberação da venda de manga e melão brasileiros ao Japão processo que está em fase de análise de risco Ficou acertado que a ministra terá em São Paulo uma reunião ampla com empresários japoneses para apresentar o potencial do agronegócio brasileiro e as oportunidades de investimentos em infraestrutura no país O encontro servirá para preparar os acordos que Kátia Abreu pretende firmar durante sua visita oficial ao Japão prevista para julho O Embaixador afirmou que o Japão tem grande interesse em ampliar a compra de produtos alimentícios do Brasil e em investir em infraestrutura especialmente na região do Matopiba formada por partes do Maranhão Tocantins Piauí e Bahia Não é preciso falar sobre o potencial agrícola do Brasil É o país que poderá salvar o mundo e garantir a segurança alimentar O Japão agradece muito destacou Umeda A ministra disse que sua visita ao país asiático será uma ótima oportunidade para firmar cooperação ainda mais intensa entre as duas nações Temos muito orgulho em cooperar para a segurança alimentar japonesa Nossa relação é histórica e temos muito o que ampliar nossas relações comerciais observou Min da Agricultura Pecuária e Abastecimento Embrapa contribui para agropecuária gerar ativos ambientais No Dia Mundial do Meio Ambiente a Embrapa Agropecuária Oeste lembra a importância de o Brasil ter evoluído de pró produção agropecuária para um País pró produção e pró ambiente O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 5 de junho e diversos segmentos da sociedade buscam diminuir os impactos do desenvolvimento preservar os recursos naturais e conscientizar a população No campo da agropecuária não é diferente A nova ordem econômica mundial é produzir grãos fibras carne e energia com foco não somente no aumento da produção mas com enfoque principalmente ambiental gerando também melhorias sociais As instituições de pesquisa brasileiras têm acompanhado e contribuído para que essa demanda da sociedade seja colocada em prática A Embrapa vinculada ao Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento Mapa faz parte dessa realidade ao gerar conhecimentos e tecnologias que conservam e acumulam água no sistema de produção reduzem a emissão dos gases de efeito estufa preservam nascentes e mananciais entre outros resultados de pesquisa que buscam atender à atual realidade econômica a agropecuária como geradora de grãos fibras e energia mas também de ativos ambientais O pesquisador Guilherme Asmus Chefe Geral da Embrapa Agropecuária Oeste lembra que antes da década de 1970 o Brasil era importador de alimentos e a partir daquela década houve a preocupação com a produção interna de alimentos e por isso o investimento em instituições de pesquisa Costumo dizer que naquela época o País vivia em um momento pró produção para ser autossuficiente Com isso acabou sendo também um grande player mundial no comércio de alimentos Depois de se tornar autônomo o Brasil entrou em uma nova fase quando a pesquisa agrícola passou a se preocupar mais fortemente com o tripé da sustentabilidade com grande foco pró ambiente desenvolvendo conhecimento e tecnologias ambientalmente amigáveis EMBRAPA Embrapa estudo revela que emissões de gases de efeito estufa pela pecuária podem cair com o aumento da produtividade da pastagem Um estudo da Embrapa Agrobiologia ainda inédito revela que as emissões de gases com efeito estufa pela pecuária podem cair com o aumento da produtividade da pastagem e o uso de leguminosas forrageiras em consórcio com a braquiária seria uma opção com amplo efeito e menos emissões O estudo avaliou cinco cenários diferentes na pecuária brasileira desde a condição de pasto degradado até a pastagem adubada combinada com confinamento As estimativas foram feitas com a metodologia do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima IPCC na sigla em inglês porém com vários dados levantados em pesquisas no Brasil inclusive incorporando os resultados do estudo de emissões de

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-41-de-8-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 40 DE 3 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    recursos e isso é que é importante disse a Ministra Kátia Abreu Agricultura Pecuária e Abastecimento ao discursar durante o lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2015 2016 A Presidenta Dilma Rousseff também participou da cerimônia realizada no Palácio do Planalto Com o Plano Agrícola e Pecuário o governo federal está disponibilizando R 187 7 bilhões para apoiar a produção agropecuária Do total R 149 5 bilhões são destinados às operações de custeio e comercialização e R 38 2 bilhões aos programas de investimento Durante a cerimônia Kátia Abreu destacou ainda que nos próximos 10 anos a safra agrícola brasileira aumentará em 50 milhões de toneladas e a produção de carnes bovina suína e de aves em 8 milhões de toneladas O Brasil assinalou ela alcançará esse desempenho sem qualquer pressão sobre recursos naturais como terra e água MAPA Plano Agrícola e Pecuário 2015 2016 superou as expectativas diz Presidente da CNA Para João Martins mesmo com o ajuste fiscal do governo federal o volume maior de recursos compensa a alta dos juros e vai possibilitar excelente safra O Presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA João Martins disse que o Plano Agrícola e Pecuário PAP 2015 2016 anunciado nesta terça feira 2 6 no Palácio do Planalto em Brasília superou as expectativas Em decorrência dos ajustes fiscais do governo federal e do contingenciamento dos recursos do orçamento havia entre os produtores rurais temor de não haver recursos suficientes para o plantio da próxima safra que começa em 1º de julho Apesar do aumento das taxas de juros da maioria dos programas do PAP ele avalia que o aumento de volume de crédito de R 187 7 bilhões 20 a mais em relação ao plano 2014 2015 vai compensar a alta dos juros Com certeza foi além do que esperávamos O país vive um momento de incertezas e perspectivas não muito boas e nosso receio era não haver recursos mas este volume vai nos proporcionar que tenhamos uma excelente safra destacou João Martins presente na cerimônia de lançamento COMUNICAÇÃO CNA Mato Grosso registrou o maior volume de produção de carne bovina dentre todos os Estados em 2014 Produção Forte em 2014 com 1 32 milhão de toneladas de carcaça produzidas Mato Grosso registrou o maior volume de produção dentre todos os Estados da federação e representou 16 5 de toda a produção nacional no período Extrapolando o consumo per capita médio do brasileiro 39 1 kg hab à população de Mato Grosso o consumo interno de carne bovina é de aproximadamente 126 0 mil t Como as exportações do Estado no mesmo período somaram 317 9 mil t estima se que 881 8 mil t de carne bovina mato grossense foram direcionadas para circulação interestadual sendo algo em torno de 66 5 da nossa produção Ou seja além de fornecer carne para o abastecimento de seu mercado interno cerca de 11 3 de toda a carne bovina consumida em outros Estados brasileiros no ano de 2014 foi

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-40-de-3-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 39 DE 2 DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    de algumas sociedades rurais em relação ao fechamento de fronteiras O problema se restringe a administrar as exceções que vão permitir o trânsito de cargas com animais e produtos disse o secretário http bit ly 1FpPd4h GOVERNO DO PARANÁ Projeções do agronegócio brasileiro até 2024 disponíveis no site do Mapa Em meio ao oportuno momento de alta do agronegócio nacional que no primeiro trimestre salvou a economia brasileira de uma queda ainda maior em seu PIB vale destacar uma publicação lançada no fim do ano passado pelo Ministério da Agricultura Mapa e que está disponível gratuitamente em seu site Projeções do Agronegócio Brasil 2013 2014 a 2023 2024 Elaborado pela Coordenação Geral de Planejamento Estratégico vinculada à Assessoria de Gestão Estratégica do Mapa o estudo de tendências do agronegócio considera aspectos globais como o crescimento da economia mundial o envelhecimento populacional e a mudança nos hábitos alimentares bem como o desenvolvimento tecnológico e a evolução da consciência ambiental A avaliação desses aspectos ligados às características do setor no Brasil permite a elaboração de projeções de produção consumo e comércio exterior Os índices atuais apontam para um mercado internacional de consumo em expansão mas cada vez mais exigente no quesito de qualidade dos produtos agrícolas Nas versões para download em português e inglês a publicação pode ser acessada nos links disponíveis no seguinte endereço http www agricultura gov br ministerio gestao estrategica projecoes do agronegocio CARNETEC Economia brasileira pode se recuperar no segundo semestre diz Levy A economia brasileira pode começar a se recuperar no segundo semestre deste ano caso o governo seja rápido em implementar uma série de medidas que têm o objetivo de reconquistar a confiança dos investidores disse o Ministro da Fazenda Joaquim Levy nesta segunda feira Falando a repórteres antes de um evento organizado pelo Fundo Monetário Internacional FMI em Washington Levy disse que o governo precisa focar nas reformas para trazer investimento ao país Se nós tomarmos as providências necessárias com rapidez nós temos bastante chance de ver um segundo semestre uma segunda metade do ano favorável para economia disse No momento temos que começar a focar cada vez mais em reformas do lado da oferta disse Levy referindo se a medidas que poderiam impulsionar a produtividade ao simplificar o sistema tributário e reduzir a burocracia Mais tarde durante o evento organizado pelo FMI Levy disse que o Brasil está se preparando para enfrentar uma desaceleração econômica global persistente REUTERS Cenários para a Pecuária de Corte Amazônica A pecuária brasileira ocupa aproximadamente 220 milhões de hectares 70 milhões somente nos estados da Amazônia À expansão da pecuária tem se atribuído a culpa pelo desmatamento No entanto este quadro mudou e a pecuária se encontra diante de uma nova realidade ambiental e de novas condições econômicas Sua expansão está limitada por políticas mais rigorosas de combate ao desmatamento e ela passa também a competir com o avanço da soja e de outras culturas Sendo assim ou a pecuária se intensifica aumentando sua produtividade ou cede espaço para

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-39-de-2-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 38 DE 1º DE JUNHO DE 2015 | Abrafrigo
    PIB do primeiro trimestre de 2015 anunciado pelo IBGE nesta sexta feira fosse ainda mais profundo Impulsionada pela soja a agropecuária apresentou elevação de 4 7 enquanto a indústria registro retração de 0 3 e os serviços amargaram recuo de 0 7 Foi um resultado excepcional e mostra mais uma vez que o agronegócio continua sendo a principal sustentáculo da economia brasileira Em função disso o segmento precisa ser considerado prioritário na formulação das políticas públicas comentou Luiz Cornacchioni Diretor Executivo da Associação Brasileira do Agronegócio Abag Apesar desse dado positivo registrado pelo segmento do agronegócio Cornacchioni salienta que o cenário de médio prazo aponta para algumas complicações Teremos um ano difícil pela frente em função de que as commodities entraram num processo de preços declinantes Além disso o produtor vai encontrar preços elevados na compra dos principais insumos para as próximas safras uma vez que boa parte desses insumos tem sua cotação em dólar que está num viés de alta comenta o executivo da Abag Outro aspecto que preocupa Cornacchioni é a forte queda nos investimentos apontada pela mesma pesquisa do IBGE Isso significa investimentos insuficientes para por exemplo ampliar e modernizar a infraestrutura de transporte e logística que é fundamental para o escoamento da safra complementa Associação Brasileira do Agronegócio Abag Brasileiro é reeleito para comissão regional da OIE O Diretor do Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura Guilherme Marques foi reeleito presidente da comissão regional da Organização Mundial de Saúde Animal OIE para as Américas por mais três anos O anúncio foi feito nesta sexta feira 29 durante a reunião mundial da Organização em Paris Em nota do Ministério da Agricultura Marques diz que a reeleição é importante para fortalecer a posição do Brasil e dos países das Américas junto à OIE na defesa dos interesses da região no que concerne à preservação da saúde pública e dos animais e também do acesso aos mercados mundiais Guilherme Marques já foi presidente da Comissão Sulamericana da Luta contra a Febre Aftosa Cosalfa que envolve todos os países da América do Sul e também do Comitê Veterinário Permanente do Cone Sul Brasil Argentina Paraguai Uruguai Chile e Bolívia Estadão Conteúdo Suspensão da Rússia a frigoríficos pode ter fins comerciais diz FNP O Diretor Técnico da Informa Economics FNP José Vicente Ferraz disse que a decisão da Rússia de suspender a importação carne suína e bovina de 11 frigoríficos brasileiros é uma forma de barganha Não acho que vá alterar significativamente a dinâmica natural do mercado disse ao Broadcast Agro serviço em tempo real da Agência Estado Segundo Ferraz o embargo temporário às unidades pode ser uma tática comercial dos russos para negociar produtos mais baratos Se analisarmos o histórico do comércio entre Brasil e Rússia observamos que isso é um costume Eles embargam para depois discutir um desconto afirma o diretor O especialista no mercado de carnes diz que a Rússia também não respeita as próprias cotas de importação do Brasil impostas em parte como estratégia para pressionar fornecedores Quando o ano terminava e analisávamos os embarques as estatísticas provavam que eles compravam mais que o previsto diz oDiretor O Serviço Federal de Vigilância Veterinária e Fitossanitária da Rússia o Rosselkhoznadzor anunciou nos últimos dias restrições temporárias a 11 fábricas brasileiras sendo três da Marfrig duas da JBS uma da Minerva uma da BRF além de uma do Frigorífico Silva uma do Nortão uma do Frigol e uma do Frigoestela As suspensões entram em vigor na primeira quinzena de junho Estadão Conteúdo Plano Agrícola e Pecuário 2015 2016 será anunciado nesta terça 02 06 A Ministra Kátia Abreu Agricultura Pecuária e Abastecimento apresentará o Plano Agrícola e Pecuário PAP 2015 2016 nesta terça feira 2 de junho no Palácio do Planalto em Brasília Serviço Anúncio do Plano Agrícola e Pecuário 2015 2016 Data 02 de junho terça feira Horário 11 horas chegar com 40 minutos de antecedência Local Salão Nobre do Palácio do Planalto Brasília DF MAPA Frigoríficos preveem retração e desemprego com área livre da aftosa sem vacinação A indústria de abate de bovino no Paraná iniciou uma movimentação para pedir revisão no formato de implantação da área livre de febre aftosa sem vacinação proposto pelo governo estadual Em reunião realizada na última quarta feira 27 em Maringá a Associação Brasileira de Frigoríficos ABRAFRIGO junto com empresários e produtores do setor formalizaram o compromisso de participar amanhã da sessão na Assembleia Legislativa do Paraná Alep para tentar negociar com o governo Embora o Noroeste possua o maior rebanho de gado do Paraná com 2 milhões de cabeças Jeremias Silva Junior diretor do frigorífico Frigo Astra de Cruzeiro do Oeste explica que o Estado não é autosuficiente na criação e engorda de bovinos para corte sendo que os produtores buscam aproximadamente 130 mil animais de outros Estado para finalizar o processo de engorda aqui Muitos produtores iniciam a criação dos bezerros em outros Estados como no Mato Grosso do Sul onde as terras são mais baratas e posteriormente trazem os animais para o Paraná com o intuito de finalizar o processo de engorda devido às melhores condições de pastagem disse O diretor ressalta que a indústria frigorífica de bovinos está vendo a área livre de aftosa mas sem vacinação como prejudicial ao setor Pois desta forma o produtor não poderia trazer animais de outros Estados para serem engordados no Paraná e também não teria condições de realizar todo o processo de cria e engorda promovendo falta de produto para abate Para o Paraná se tornar zona livre de febre aftosa sem vacinação seria necessário o governo ter realizado um trabalho há quatro anos para incentivar a cria e engorda pois somos dependentes do gado de outros Estados ressaltou Umuarama Ilustrado Fim da vacinação contra aftosa pauta nova audiência pública no PR Os debates acerca do fim da vacinação contra a febre aftosa no Paraná ganham um novo capítulo nesta segunda feira 01 Pouco mais de 20 dias depois do último encontro será realizada mais uma audiência pública

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-ano-1-no-38-10-de-junho-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • CLIPPING DA ABRAFRIGO Nº 37 DE 29 DE MAIO DE 2015 | Abrafrigo
    do Planejamento Nelson Barbosa disse que a decisão do governo reflete uma preocupação com a responsabilidade financeira e social Afirmou ainda acreditar em recuperação da economia brasileira já neste segundo semestre Na sexta feira 29 5 o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE divulga os números do Produto Interno Bruto do primeiro trimestre deste ano Barreira da Rússia à carne brasileira ocorre em momento ruim para o setor A Rússia comunicou ao Ministério da Agricultura que fará uma interrupção de compras de carne bovina e suína de dez frigoríficos brasileiros O comunicado vem em um momento ruim para o setor as exportações estão em queda os custos sobem e a oferta de boi é reduzida Os motivos dessa interrupção nas compras podem ser os relatados no comunicado enviado ao governo brasileiro em auditoria em março os russos teriam encontrado problemas sanitários nesses frigoríficos No entanto o preço do petróleo uma das principais fontes de divisas da Rússia caiu no último ano Com uma taxa de câmbio desfavorável a carne ficou cara para os russos Barreiras desse tipo poderiam melhorar os preços para eles o que não deve ocorrer devido à escassez de animais principalmente de bois Mas o Brasil não encontra problemas de compras apenas do lado da Rússia A União Europeia UE também diminuiu as compras no Brasil Estatísticas da UE indicam que o bloco importou 104 mil toneladas de frango do Brasil até março Com esse volume o país ainda é responsável por 55 das compras dos europeus Uma boa participação mas que recua ano a ano Em 2011 a carne brasileira representava 72 das compras da União Europeia A UE também importou 1 4 menos carne bovina brasileira de janeiro a março segundo informações da comissão do bloco voltada para a agropecuária Mesmo com a queda o Brasil continua sendo o maior fornecedor dessa proteína aos europeus Ao importar 33 9 mil toneladas de janeiro a março deste ano do Brasil os europeus garantiram 46 desse mercado em volume aos brasileiros Se o volume de importações europeias teve leve queda no mercado brasileiro aumentou 10 nos Estados Unidos e da Argentina Folha de São Paulo Plena Alimentos registra alta de 35 nas exportações Beneficiada pela valorização do dólar ante o real a mineira Plena Alimentos apresenta resultados positivos em suas exportações em sua maioria de carne bovina que aumentaram 35 nos quatro primeiros meses de 2015 em relação a igual período de 2014 Os principais destinos dos produtos da marca foram os continentes africano asiático e o Leste Europeu De acordo com o Diretor de Novos Negócios da Plena Cássio Silva as perspectivas positivas se devem ao fato de que com a baixa do real a carne brasileira in natura ficou mais barata Esse fenômeno contribui para que o nosso produto se torne mais competitivo e dispute mercado com outros produtores como a Austrália por exemplo Esse é um cenário favorável pois garante ainda mais a entrada dos nossos produtos em outras nações com a mesma

    Original URL path: http://abrafrigo.com.br/noticias-abrafrigo/clipping-da-abrafrigo-no-37-de-29-de-maio-de-2015/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive