archive-br.com » BR » H » HARDCORE.COM.BR

Total: 371

Choose link from "Titles, links and description words view":

Or switch to "Titles and links view".
  • Sobreviver a uma série monstruosa - Hardcore
    Ele enfrenta uma série destas com trabalho psicológico e tranquilidade A regra padrão é relaxar respirar para abrir o pulmão largar a prancha e não mergulhar muito fundo Ao manter se não muito fundo a onda ajuda a tirar o surfista da área de impacto É melhor ser carregado para fora da zona crítica do que ser sugado para o fundo completa O bom preparo físico também é imprescindível O vencedor do Billabong XXL trabalha a respiração fazendo ioga jiu jitsu e treinos informais como natação convencional e debaixo d água quase uma apneia e treinos com pedras submersas sem esquecer que a prática do surf de ondas grandes pede o uso de coletes salva vidas especiais O treinamento deste baiano cascagrossa funciona A série mais forte que ele tomou em Jaws foi em janeiro de 2010 Fiquei 20 segundos submerso e quando tentei colocar a cara para fora veio outra bomba e me jogou de novo para baixo Eu fiquei mais um tempão debaixo d água e sabia que viria mais uma onda meu instinto me fez bater as pernas para subir bem rápido Consegui pegar mais um pouco de ar e afundei novamente A hora de decidir entre subir em busca de ar e perder energia ou ficar lá embaixo apostando no que resta de ar é crucial O momento tem que ser bem calculado e você deve ter a certeza de que não tem nenhuma bomba estourando na superfície antes de subir Resumindo 1 Para entrar em mares com ondas gigantes é fundamental ter um colete salva vidas existem modelos finos especiais para a prática do big surf que permitem remadas e mergulhos 2 Encha o pulmão de ar largue a prancha e afunde pouco deixando que a espuma te leve para o inside 3 Mantenha se

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18893-sobreviver_a_uma_serie_monstruosa/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive


  • Especiais Archives - Página 5 de 6 - Hardcore
    dropar Pipeline completamente cego lança o trailer de seu longa Veja a história de Derek Rabelo Surfista Loteado Entenda como funciona a relação entre os atletas as marcas e os adesivos colados em seus foguetes Ameaça iminente Saiba como projetos de construção e ampliação portuária em São Sebastião e Ilhéus ameaçam o meio ambiente e geram insatisfação do povo Toco velho na parede A prancha que estava embaixo dos seus pés na melhor onda da sua vida carrega um valor que pode ser eterno Duelo de picos The Right x Shipsterns Colocamos cara a cara duas das mais poderosas e assassinas ondas da Austrália Você sabe qual é mais pesada e hostil Vai encarar Duelo de picos Deserts x G Land Colocamos frente a frente duas das mais perfeitas ondas da Indonésia e do mundo Você sabe em qual a queda é mais indigesta Temos a melhor parafina Os aéreos dos anos 2000 exigem um novo tipo de aderência e o surf e a parafina brasileira estão na vanguarda destes assuntos Prancha quebrada no avião e agora Chegar no destino final depois de horas de voo e ver sua prancha quebrada é uma das piores sensações pra quem parte numa surftrip Duelo de Picos Mavericks x Waimea Um duelo de peso entre duas das mais clássicas ondas gigantes do planeta qual é a mais sinistra Confira o resultado aqui Duelo de picos Mundaka x Peniche Peniche e Mundaka são duas das melhores e mais perfeitas ondas de toda a Europa Mas você sabe qual é mais casca grossa Entenda as previsões de ondas Preparamos um guia com os pontos fundamentais da interpretação de gráficos para você saber com precisão a hora certa de ir pra água Levado pela corrente e agora Ser levado pela correnteza para longe da praia pode

    Original URL path: http://hardcore.com.br/category/especiais/page/5/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Playlist de aniversário - Hardcore
    4 Black Mountain Mary Lou 5 Beastie Boys Tough Guys 6 Fu Manchu Evil Eye 7 Jimi Hendrix Mannish Boy 8 Kings of Leon The Bucket 9 Minor Threat I Don t Wanna Hear It 10 Os Mutantes Jardim Elétrico 11 Nirvana Territorial Pissings 12 NOFX The Separation of Church and Skate 13 Offspring Hypodermic 14 Pantera Regular People 15 Queens of the Stone Age First It Giveth 16 Rage Against The Machine Guerilla Radio 17 Red Hot Chili Peppers Taste the Pain 18 Sprung Monkey Thinking Problem 19 Steve Ray Vaughan Scuttle Buttin 20 Suicidal Tendencies Institutionalized 21 The Black Keys Lonely Boy 22 Thee Headcoats Sect The Witch 23 Wolfmother Woman PÓS SURF 1 50 Cent When It Rains It Pours 2 A AP Rocky Peso 3 Arcade Fire Suburban War 4 Bob Marley War 5 Curtis Mayfield Superfly 6 Dirty Beaches Lord Knows Best 7 Eric Clapton Ain t That Lovin You 8 Finley Quaye Even After All 9 Florence and The Machine You ve Got The Love The XX s remix 10 Gorillaz White Flag 11 Groundation Praising 12 Israel Vibration Rockford Rock 13 John Butler Trio Ocean 14 John Mayer Gravity 15 Paulinho da Viola

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18220-playlist_de_aniversario/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Duelo de picos: Bells x Snapper - Hardcore
    VÍDEOS Ver todos Sea Sun Flower todo poder do surf feminino Valentin o herdeiro da Família Neves De Bico à Rabeta squash Revista Duelo de picos Bells x Snapper Compartilhar em Tweet HOT TOPICS R I P SIDÃO TENUCCI De Bico à Rabeta squash A ILHA DE LIXO DAS MALDIVAS Lay Day Franciele Christ JOB insano no super swell no México ÚLTIMAS NOTÍCIAS Krystian e Hizunomê fazem a festa em

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18222-duelo_de_picos_bells_x_snapper/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Preso embaixo d'água: e agora? - Hardcore
    maneira de evitar acidentes assim é controlar a respiração ter calma e contar com a sorte Foi o que aconteceu com Neco Padaratz por exemplo quando ficou preso nos corais de Teahupoo em 2000 Tentei fazer uma manobra na junção e caí Tomei uma onda na cabeça que me arrastou para as fendas entre os corais e fiquei com as pernas e a cordinha trancadas Depois que passou a série vi a claridade perto de mim como se eu tivesse perto da superfície mas não conseguia sair conta o catarinense Cada segundo de respiração durante o surf é decisivo para sua sorte embaixo d água Se você está surfando a uma hora com a frequência cardíaca lá em cima e toma uma vaca seguida de uma série inteira na cabeça você chega a ficar 40 segundos sem respirar diz Christian Dequeker mergulhador e big rider que adaptou os treinos de apneia ao surf Por meio de estudos e muita prática ele desenvolveu um treino que busca aprimorar a capacidade respiratória dos surfistas Num dos exercícios rema se 200 metros aí faz se uma respiração de 15 segundos imaginando um intervalo de pico e depois prende se o ar Porém bloquear a respiração por muito tempo pode apagar a pessoa Os sintomas que mostram que seu limite está próximo são vontade de engolir seguida de contrações do diafragma náuseas aquecimento ou esfriamento da nuca varia de pessoa pra pessoa formigamento nas pontas dos dedos e na mão cansaço nas pernas e tremedeira Neco passou por isso Eu senti um conforto muito grande em que eu não precisava mais de ar relata o surfista Nessas situações é preciso ter controle O cara com o treino de apnéia sabe que tem condição de ficar mais tempo tomando umas bombas na cabeça e fica

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18219-preso_embaixo_dagua_e_agora/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Fé na Tábua - Hardcore
    cravar de vez a bandeira e difundir a cultura nordestina no surf nacional Exemplo disso é o filme mais popular do Brasil sua cinebiografia Fabio Fabuloso com raízes incrustadas na cultura popular utilizando a estética regional e poesia de cordel para contar sua história como no tema Linha Encantada do grupo Comadre Fulozinha Travessô os Oceano E foi lá pro Hawaii Entrouxou todo Sunset Envergando toda ilha Fez os gringo de boneco E ergueu mais um caneco Marco Fernandez atleta baiano dominando suas águas com categoria Foto Clemente Coutinho Ai meu padim ciço São 2 611 km de litoral com bancadas de pedras e corais abençoados por entidades nordestinas como Padre Cícero ou Padim Ciço A religiosidade por sinal é uma das características da região do país com a maior costa litorânea E só Deus mesmo para trazer tantos presentes Já vi o João Maurício Jabour que mora no Hawaii sair de Serrambi e falar Mermão essa onda aqui é a onda que nêgo paga R 5 mil dólares e vocês tem de graça em casa conta Clemente Coutinho fotógrafo pernambucano que é um dos poucos que pode registrar aquelas ondas São praias que além do surf contam com água quente sol água de coco peixe na brasa aquele forrozinho de noite Aqui o cara vai pro mar todo dia com ou sem swell Tem tempo bom e marolinha pra treinar Em Floripa por exemplo com marola ninguém cai por que é frio observa João Carvalho Essa frequência que é responsável por formar um dos times de surfistas mais bem preparados do país Eu acredito que os grandes campeões que o Brasil pode vir a criar vão sair do Nordeste analisa Daniel Friedman veterano carioca e ex top mundial Surfistas que precisam de grandes deslocamentos para surfar ou têm condições que exigem muito mais dedicação e vontade Isso sem dúvida aumenta as chances de vitória no futuro Alfio Lagnado dono da Surf Co e fundador da Hang Loose acredita nisso O jeito do nordestino ser descontraído e solto combina totalmente com o espírito do surf Eu sou fã do Nordeste da comida das pessoas do jeito delas Para Clemente Coutinho o mercado do Sul e Sudeste precisa abrir os olhos para esse potencial Temos ondas de altíssima qualidade e fundos melhores Sem falar que o maior surfista brasileiro de todos os tempos é paraibano vindo de um lugar que nenhum de nós aqui começaria a surfar Alexandre Ferraz nos tubos protegidos do Serrambi PE Foto Clemente Coutinho De olho nos atletas Muitos frutos das terras banhadas pelo Rio São Francisco se tornaram craques brasileiros como Carlos Burle Eraldo Gueiros Danilo Couto Bernardo Pigmeu Paulo Moura Fabio Cuencas Felipe Dantas Heitor Alves Jadson André Sem falar em surfistas que estão ganhando espaço correndo atrás de uma sólida carreira profissional como Allan Jhones Ítalo Ferreira Luel Felipe Messias Félix Halley Batista e Marco Fernandez Mas ter visibilidade no mundo do surf e ser do Nordeste são duas coisas distintas Não se depender

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18203-fe_na_tabua/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Na mira do Ocidente - Hardcore
    ilha de Socotra A costa iemenita é linda A água é verde esmeralda e contrasta com o marrom das íngremes montanhas da ilha Lá as ondas são muito consistentes com boas esquerdas e beachbreaks bem ocos A Rainha de Sabá Cottrell e Hines foram para o Iêmen em 2006 quando os EUA mantinham boa relação com o então presidente Ali Abdullah Saleh que entregou o cargo após a onda de protestos que dominou o país Ir para lá é como voltar no tempo Me senti como se estivesse em uma parábola bíblica onde Jesus viria e faria um milagre diz Cottrell que acrescenta É muito louco em alguns lugares as pessoas ainda vivem em construções que têm 3 mil anos de idade O caminho até as praias foi tortuoso e árduo porém a disposição e a hospitalidade dos locais amenizou as dificuldades que encontraram Caminhamos por uma montanha à procura de ondas e quando chegamos à costa um local usou madeira que veio do mar para montar uma cabana Depois ele cozinhou cabra e peixe para nós relata Jesse Hines que ficou surpreso ao saber que o nativo não tinha ideia do que eram aquelas tábuas brancas O pescador pensava que as pranchas eram pequenos barcos de pesca e não conseguiu entender muito o que eram até que os caras foram surfar conta DJ Struntz fotógrafo que acompanhou a trip Fomos presenteados com uma hospitalidade incrível Eles dividiram conosco o pouco que tinham como se fôssemos da família e fizeram desta viagem a mais inesquecível da minha vida completa Apesar das declarações de Struntz no Ocidente é comum pensar que o Iêmen é um país extremamente fechado e hostil lugar onde não se deveria arriscar um passeio Nem sempre é assim porém lá se vive em uma sociedade tribal e em muitas áreas do deserto do leste o visitante precisa estar acompanhado por guardas tribais armados e ter permissão das tribos locais para viajar pela área Stuart Butler fotógrafo britânico viaja ao Iêmen há 20 anos e relata que a experiência pode realmente ser bastante surreal Os jipes que usamos lá estão cheios de beduínos armados e bem treinados Às vezes em quatro pessoas levamos cinco ou seis Kalashnikovs AK 47 algumas pistolas e até mesmo granadas de mão Mesmo na companhia de um guia a viagem pode apresentar algumas surpresas Em Socotra ficamos numa pequena vila Nosso guia disse para falarmos que éramos franceses pois essa tribo em particular odeia americanos conta Jesse Hines Na manhã seguinte eles começaram a desconfiar que éramos dos EUA e tivemos que sair imediatamente Na estrada por acaso encontramos as melhores ondas da viagem comenta o americano A costa do Iêmen é feita de pequenas enseadas onde recifes e beachbreaks se misturam As poucas ondas que foram descobertas no país proporcionam uma boa queda inclusive pela completa ausência do crowd Mesmo já tendo sido explorado por alguns surfistas o Iêmen ainda reserva ondas desconhecidas O lugar é um mistério para boa parte do

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18173-na_mira_do_ocidente/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive

  • Verdades Inconvenientes - Hardcore
    foi 1 metro de onda bem sem vergonha em Greenbush Nada daqueles tubos infinitos séries de ondas intermináveis e todo o oceano só para meus amigos e eu Macaronis meu amigo dava até vergonha Vento água escura tudo errado Só entrei na água porque havíamos navegado muito pra chegar até lá Se eu visse um mar daquele na frente da minha casa é provável que eu não iria nem me molhar Pra não parecer tão pessimista até que uma tal direita apelidada de Burger World não estava tão ruim assim Uma onda um pouco mais longa do que suas vizinhas porém não tão forte mesmo assim ofereceu bons momentos e um visual incrível A onda dava a volta em uma ilha coberta de árvores enormes que saíam da praia e cobriam o mar formando uma paisagem inusitada pra quem olhava o line up do canal Parecia que as árvores cobriam as ondas como um toldo natural um cenário que o fotógrafo da barca Sebastian Rojas soube tirar proveito com sua maestria já conhecida Mas infelizmente esse pointbreak foi uma das únicas surpresas agradáveis dessa viagem Lembro também de uma viagem que fiz pra Cabo Verde mais especif camente pra ilha de São Vicente Essa foi dureza Um flat de dar nos nervos e mais de duas semanas naquele deserto sendo açoitado por ventos de 40 nós que não davam trégua nem quando o sol ia embora Pra você ter uma ideia eu não podia nem abrir as janelas do quarto onde estava hospedado porque segundo nosso anfitrião arremessaria as janelas mais próximas contra a parede quebrando seus vidros Mas depois de 10 dias sem onda e passando a maior parte do dia dentro do hotel alguém com calor e sem paciência abriu uma janela e não deu outra entrou aquele tufão dentro do quarto e segundos depois ouvi um estrondo e barulho de vidro estilhaçado no chão Uma janela se quebrando as quatro horas da tarde causou o maior fluxo de adrenalina que senti em todos os dias que passei em Cabo Verde Lembro também de inúmeros campeonatos que nutriam uma expectativa enorme pelo potencial do lugar mas que caprichosamente deixaram a desejar durante a semana do evento Claro que a genialidade da organização em priorizar o verão como a melhor época para grandes competições de surf não ajudou em nada Isso quando eles não jogavam o evento pro beachbreak mais perto da cidade ao invés de construir o palanque em frente ao pointbreak com fundo de pedra Já vi isso acontecer nas Ilhas Canárias no Tahiti e até no Brasil No Brasil você pensou Sim aqui no Brasil Você sabia que tem altas ondas no Nordeste com fundo de coral Então Enfim campeonatos dificilmente coincidem com boas condições por isso um evento com altas ondas é tão especial e marcante Mas não se engane tão facilmente com aquele vídeo super bem editado trazendo os melhores momentos nem se deixe levar por uma matéria recheada de fotos incríveis na sua

    Original URL path: http://hardcore.com.br/18174-verdades_inconvenientes/ (2015-10-12)
    Open archived version from archive