archive-br.com » BR » M » MERCOAGRO.COM.BR

Total: 17

Choose link from "Titles, links and description words view":

Or switch to "Titles and links view".
  • MercoAgro 2016 - SOBRE A FEIRA - CONHEÇA A ACIC
    de 40 uma associação que os representasse política econômica e socialmente Fundada em 10 de maio de 1947 a ACIC representa os setores da indústria comércio prestação de serviços e agronegócio e está filiada à Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina FACISC Em 15 de dezembro de 1999 a Associação Comercial e Industrial de Chapecó inaugurou sua nova sede no condomínio CESEC Centro Executivo do Sistema Empresarial de Chapecó juntamente com CDL e Sicom O funcionamento das três entidades em um mesmo local representa um grande avanço para o setor empresarial no sentido de contribuir para o fortalecimento de parcerias e para a união da classe A ACIC desenvolve ações consistentes na defesa dos interesses da classe empresarial e do bem estar da coletividade coopera com os poderes públicos nas ações pertinentes ao livre exercício das atividades empresariais e promove no país e no exterior o nome de Chapecó os estabelecimentos produtos gerados e os serviços prestados no município Missão Representar os segmentos econômicos de Chapecó estimulando a livre iniciativa e trabalhando como agente de mudanças Atender com eficiência e eficácia as necessidades dos associados correspondendo a suas expectativas Ser a indutora de ações para o fortalecimento da classe

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/sobre-a-feira/conheca-a-acic (2015-10-13)
    Open archived version from archive


  • MercoAgro 2016 - NOTÍCIAS - Cooperação e agronegócio: a saída está aqui | Faesc destaca esforço na abertura de novos mercados para o agronegócio + Estímulo à exportação foi abordado no Programa Almoço Empresarial da ACIC
    16 Set Faesc destaca esforço na abertura de novos mercados para o agronegócio Mercado 2 Agroindústria 2 A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina Faesc elogiou a ação de defesa do setor primário e de abertura de mercados para a agropecuária catarinense que a ministra Kátia Abreu da Agricultura vem desenvolvendo desde que assumiu a pasta O presidente da Faesc José Zeferino Pedrozo destacou entre outras ações o mapeamento dos riscos à agropecuária diagnóstico que permite identificar carências e oportunidades com objetivo de contribuir para o aperfeiçoamento de programas e políticas públicas O mapeamento foi desenvolvido pelo MAPA em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa e o Banco Mundial O trabalho envolveu cerca de 5 mil representantes da agropecuária entre os quais mais de 100 especialistas O dirigente mencionou que de acordo com o estudo o País tem prejuízo anual de cerca de 11 bilhões de reais devido à ocorrência de riscos extremos Esse valor porém pode ser reduzido com a adoção de medidas para enfrentar situações críticas Esse trabalho focalizou as áreas de produção mercado e ambiente de negócios e seus respectivos impactos econômicos dentro da porteira Esses três eixos foram subdivididos em oito tópicos temáticos eventos climáticos extremos e incêndios sanidade animal sanidade vegetal gestão da produção e dos recursos naturais crédito e comercialização comércio internacional logística e infraestrutura e grupos de interesse marco regulatório políticas e instituições O estudo que teve o apoio da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA e outras instituições é importante porque o Brasil é um dos principais produtores mundiais de alimentos e precisa gerir melhor as situações de riscos extremos o que resultará na elaboração de um plano nacional de gestão de riscos agropecuários NOVOS MERCADOS Outra ação do MAPA destacado por Pedrozo é a negociação com 14 mercados internacionais para ampliar as exportações do agronegócio brasileiro No conjunto esses mercados tem capacidade de 1 bilhão 195 milhões de dólares ao ano Entre esses mercados está a China que pela primeira vez abrirá seu mercado aos produtos lácteos brasileiros Abrir mercados é papel do Governo fechar efetivamente negócio é papel das empresas assinalou lembrando que a cooperação entre setores público e privado é essencial para o avanço do Brasil no mercado mundial Entre as negociações está a venda de carne bovina termoprocessada ao Japão O produto foi objeto de negociação durante a visita oficial da ministra Kátia Abreu a Tóquio em julho e representa potencial de US 18 7 milhões ao ano O Brasil ainda tem potencial para exportar carne bovina in natura para o Canadá US 190 mi e para o México US 165 mi carne suína à Coreia do Sul US 107 mi e de carne bovina in natura à Arábia Saudita US 73 milhões ao ano Postado em 16 de Setembro às 10h53 16 09 há 26 dias Terça feira 16 de Setembro de 2015 16 Set Estímulo à exportação foi abordado no Programa Almoço Empresarial da ACIC Mercado 2

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/noticias (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - CONTATO
    ENTRE EM CONTATO Dúvidas Sugestões Deixe seu recado ao lado e retornamos em breve Faça uma visita ACIC Associação Comercial e Industrial de Chapecó Av Getúlio Vargas 1748 N Centro Chapecó SC CEP 89805 000 Telefone Departamento Financeiro ACIC 49 3321 2800 Comercialização Enterprise Feiras Eventos Ltda Av José Galante n 90 4 Andar São Paulo SP 11 2730 0522 mariaantonia mercoagro com br Fale conosco Nome E mail Telefone

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/contato (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - NOTÍCIAS - Cooperação e agronegócio: a saída está aqui
    reduzindo as incertezas que cercam a atividade agropecuária Para chegar se a isso se seguiu um longo caminho que passou pela profissionalização do produtor a organização da produção a eliminação de todos os níveis de intermediação e a busca mais agressiva dos mercados Decisivo nesse processo para a conquista da independência foi a decisão de industrializar a produção primária Com isso o cooperativismo deixou de ser fornecedor barato de matérias primas para as indústrias não cooperativistas e passou a controlar todo o ciclo de produção agregando valor para melhor remunerar o cooperado O produtor rural deve associar se as cooperativas agropecuárias que tenham unidades próprias de processamento industrial ou estejam vinculadas a uma cooperativa central como a Aurora Há mais de 40 anos atrás os produtores do oeste catarinense eram meros fornecedores de matérias primas Com o surgimento da Aurora uma cooperativa de segundo grau ficou na mão do produtor a industrialização de todas as matérias primas como grãos lácteos carnes etc A salvação está no associativismo de qualidade ou seja nas cooperativas eficientes A economia do país passa por momentos de instabilidade Apesar das dificuldades que marcarão o cenário econômico de 2015 o setor primário da economia terá um ano relativamente bom para as cadeias produtivas de suínos aves e leite O governo entretanto precisa fazer sua parte porque o agronegócio padece do excesso de burocracia da pesadíssima carga tributária da incoerente legislação ambiental e das crônicas deficiências infraestruturais Nossa prioridade e nosso desafio são de produzir com qualidade e competitividade para conquistar mercados mundiais preservando a todo custo nosso status sanitário Assim o agronegócio continuará crescendo embora à taxas menores O setor primário o cooperativismo e o agronegócio darão ao Brasil as condições para a superação dessa crise à médio prazo Veja também Estímulo à exportação foi abordado

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/noticias/cooperacao-e-agronegocio-a-saida-esta-aqui (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - NOTÍCIAS - Faesc destaca esforço na abertura de novos mercados para o agronegócio
    acordo com o estudo o País tem prejuízo anual de cerca de 11 bilhões de reais devido à ocorrência de riscos extremos Esse valor porém pode ser reduzido com a adoção de medidas para enfrentar situações críticas Esse trabalho focalizou as áreas de produção mercado e ambiente de negócios e seus respectivos impactos econômicos dentro da porteira Esses três eixos foram subdivididos em oito tópicos temáticos eventos climáticos extremos e incêndios sanidade animal sanidade vegetal gestão da produção e dos recursos naturais crédito e comercialização comércio internacional logística e infraestrutura e grupos de interesse marco regulatório políticas e instituições O estudo que teve o apoio da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA e outras instituições é importante porque o Brasil é um dos principais produtores mundiais de alimentos e precisa gerir melhor as situações de riscos extremos o que resultará na elaboração de um plano nacional de gestão de riscos agropecuários NOVOS MERCADOS Outra ação do MAPA destacado por Pedrozo é a negociação com 14 mercados internacionais para ampliar as exportações do agronegócio brasileiro No conjunto esses mercados tem capacidade de 1 bilhão 195 milhões de dólares ao ano Entre esses mercados está a China que pela primeira vez abrirá seu mercado aos produtos lácteos brasileiros Abrir mercados é papel do Governo fechar efetivamente negócio é papel das empresas assinalou lembrando que a cooperação entre setores público e privado é essencial para o avanço do Brasil no mercado mundial Entre as negociações está a venda de carne bovina termoprocessada ao Japão O produto foi objeto de negociação durante a visita oficial da ministra Kátia Abreu a Tóquio em julho e representa potencial de US 18 7 milhões ao ano O Brasil ainda tem potencial para exportar carne bovina in natura para o Canadá US 190 mi e para

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/noticias/faesc-destaca-esforco-na-abertura-de-novos-mercados-para-o-agronegocio (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - NOTÍCIAS - Estímulo à exportação foi abordado no Programa Almoço Empresarial da ACIC
    de Itá ACITA e membro do Núcleo de Comércio Exterior e Logística Internacional da ACIC de Chapecó e da ACIC de Concórdia É membro da Coalização Empresarial Brasileira CEB da CNI que trata dos acordos comerciais com outros países O empresário compartilhou experiências da trajetória profissional especialmente relacionadas ao comércio exterior Disse que o sucesso nas exportações é fruto em boa parte do envolvimento nas entidades de classe que estimulam o comércio internacional com por exemplo a Facisc Fiesc Fieg Fieto Ceb entre outras Com uma taxa de crescimento anual de 20 a Gelnex integra o grupo dos maiores fabricantes mundiais de gelatina A matéria prima é de origem suína e bovina que são transformadas em gelatinas alimentícias farmacêuticas e colágeno hidrolisado Está presente em mais de 50 países e conta com um grupo de 610 colaboradores A Gelnex é a controladora da marca Da Magrinha Sobre as questões de sustentabilidade da empresa Zancanaro disse que a Gelnex atua com foco na redução da emissão de gases do efeito estufa com gerenciamento de resíduos campanhas de conscientização otimização de equipamentos e sistemas produtivos reaproveitamento de água e com fontes de energia renováveis Por fim disse que todas as empresas têm potencial para importação e exportação É necessário que o empresário busque informações esteja envolvido com as entidades e se empenhe para atender as exigências do mercado O segredo está nos relacionamentos afirmou Durante o almoço o presidente da ACIC Bento Zanoni manifestou se citando questões importantes como a duplicação da BRB 282 o retorno do ICMS entre outras iniciativas governamentais que devem receber atenção para manter as empresas do grande oeste catarinense e de todo o Estado competitivas no mercado tanto nacional quanto internacional A ACIC mantém uma agenda permanente de discussão sobre essas pautas e atua na defesa da

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/noticias/estimulo-a-exportacao-foi-abordado-no-programa-almoco-empresarial-da-acic (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - (QUERO EXPOR)
    ACIC NOTÍCIAS CONTATO topo QUERO EXPOR JÁ SOU EXPOSITOR QUERO EXPOR Dúvidas sobre como expor Entre em contato conosco e retornamos em breve Nome E mail Telefone Mensagem Qual a soma 5 5 Telefone Departamento Financeiro ACIC 49 3321 2800 Comercialização Enterprise Feiras Eventos Ltda Av Jose Galante n 90 4 andar São Paulo SP 11 2730 0522 mariaantonia mercoagro com br Acessar Área Restrita Digite a senha fornecida pela

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/quero-expor/ (2015-10-13)
    Open archived version from archive

  • MercoAgro 2016 - NOTÍCIAS - Faesc destaca esforço na abertura de novos mercados para o agronegócio | Estímulo à exportação foi abordado no Programa Almoço Empresarial da ACIC
    animal sanidade vegetal gestão da produção e dos recursos naturais crédito e comercialização comércio internacional logística e infraestrutura e grupos de interesse marco regulatório políticas e instituições O estudo que teve o apoio da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA e outras instituições é importante porque o Brasil é um dos principais produtores mundiais de alimentos e precisa gerir melhor as situações de riscos extremos o que resultará na elaboração de um plano nacional de gestão de riscos agropecuários NOVOS MERCADOS Outra ação do MAPA destacado por Pedrozo é a negociação com 14 mercados internacionais para ampliar as exportações do agronegócio brasileiro No conjunto esses mercados tem capacidade de 1 bilhão 195 milhões de dólares ao ano Entre esses mercados está a China que pela primeira vez abrirá seu mercado aos produtos lácteos brasileiros Abrir mercados é papel do Governo fechar efetivamente negócio é papel das empresas assinalou lembrando que a cooperação entre setores público e privado é essencial para o avanço do Brasil no mercado mundial Entre as negociações está a venda de carne bovina termoprocessada ao Japão O produto foi objeto de negociação durante a visita oficial da ministra Kátia Abreu a Tóquio em julho e representa potencial de US 18 7 milhões ao ano O Brasil ainda tem potencial para exportar carne bovina in natura para o Canadá US 190 mi e para o México US 165 mi carne suína à Coreia do Sul US 107 mi e de carne bovina in natura à Arábia Saudita US 73 milhões ao ano Postado em 16 de Setembro às 10h53 16 09 há 26 dias Terça feira 16 de Setembro de 2015 16 Set Estímulo à exportação foi abordado no Programa Almoço Empresarial da ACIC Mercado 2 Palestra foi ministrada pelo diretor da Gelnex Milvo Zancanaro Um entusiasta da exportação para o agronegócio do oeste catarinense Assim pode ser chamado o diretor presidente da Gelnex Indústria e Comércio Milvo Zancanaro que participou do Programa Almoço Empresarial promovido pela ACIC nessa quinta feira 23 O evento foi prestigiado pelo presidente da Facisc Ernesto João Reck pela prefeita de Itá Leide Mara Bender pelo secretário de desenvolvimento econômico de Chapecó Diógenes Lang empresários e convidados Zancanaro é administrador de empresas pós graduado em Direito Tributário e em Produtividade e Qualidade Total Sócio da Itaberry Frutas Finas controladora da All Berry Corporation Ford Lauderdale da Flórida EUA O empresário é vice presidente de relações internacionais da Facisc diretor de Indústria da Associação Comercial e Industrial de Itá ACITA e membro do Núcleo de Comércio Exterior e Logística Internacional da ACIC de Chapecó e da ACIC de Concórdia É membro da Coalização Empresarial Brasileira CEB da CNI que trata dos acordos comerciais com outros países O empresário compartilhou experiências da trajetória profissional especialmente relacionadas ao comércio exterior Disse que o sucesso nas exportações é fruto em boa parte do envolvimento nas entidades de classe que estimulam o comércio internacional com por exemplo a Facisc Fiesc Fieg Fieto Ceb entre outras Com

    Original URL path: http://mercoagro.com.br/noticias/_/mercado (2015-10-13)
    Open archived version from archive